11 / 02 / 2019 - 10h01
O que Paquetá fez para brilhar no Milan diante da comissão de Tite

Lucas Paquetá ainda dá os primeiros passos no futebol europeu. Mas isso não intimida o meio-campista de 21 anos. No Milan, da Itália, já se firmou como titular. E agora pode ser convocado mais uma vez pela seleção brasileira. A comissão técnica de Tite quis vê-lo de perto e o que o garoto ofereceu pode até servir para solucionar problemas do time canarinho.

O auxiliar técnico Sylvinho foi escalado para acompanhar partidas de atletas brasileiros na França, na Itália e na Espanha. Em terras italianas, o foco esteve em Paquetá, que foi titular nos três jogos analisados por Sylvinho, fez um gol e ainda deu duas assistências. O principal, porém, está na forma como o meio-campista tem atuado, ocupando um espaço que ainda não foi preenchido por Tite.

No Milan treinado por Gennaro Gattuso, Paquetá é um dos três homens de meio de campo. Atua pela esquerda, com Bakayoko centralizado e Kessie pela direita. O trio dificilmente se desmancha. Eles procuram se manter próximos para proteger a entrada da área milanista e também para facilitar a saída de bola com tabelas rápidas.

A primeira partida assistida por Sylvinho foi a vitória do Milan por 2 a 0 sobre o forte Napoli, nas quartas de final da Copa Itália, em 29 de janeiro. O jogo foi em San Siro, mas quem tomou a atitude foi o Napoli, que conta com o volante Allan, também observado pela seleção brasileira. Os donos da casa adotaram postura cautelosa, pouco ficaram com a bola e tentaram explorar as linhas avançadas do time treinado por Carlo Ancelotti.

Reprodução/DAZN

FONTE : UOL