10 / 09 / 2018 - 12h10
Gabigol diz que ainda quer triunfar na Inter e ri de comparação com CR7

Gabigol: cinco gols pelo Santos nos últimos três jogos. Cristiano Ronaldo: nenhum gol nos últimos três jogos e ainda zerado pela Juventus. A comparação virou meme, ganhou as redes sociais e, obviamente, chegou ao atacante santista, que levou tudo na brincadeira.

"O pessoal brinca muito na internet, marca os nossos perfis para que possamos ver, mas levo tudo isso na brincadeira. Procuro me dedicar ao máximo aqui no Santos, pois sei do meu potencial e sabia que poderia ajudar e render muito com essa camisa. Não é só o Gabigol, mas toda uma equipe, um grupo trabalhando na mesma sintonia. Procuro ajudar o time, fazer meus gols, com isso as vitórias vão aparecendo", disse Gabigol.

Em entrevista ao jornal La Gazzetta dello Sport, da Itália, Gabriel Barbosa falou ainda sobre a ótima fase que vive no Santos e disse que ainda pretende ganhar muitos títulos com a camisa da Inter de Milão, clube com o qual tem contrato até 2021. Com a camisa do clube italiano, Gabigol fez dez jogos e apenas um gol.

"Cheguei na Itália depois do título olímpico, com uma expectativa grande de me desenvolver ainda mais não só como atleta, mas como pessoa. Busquei trabalhar forte, me adaptar ao país, à cidade, aos meus novos companheiros. Tenho a consciência de que dedicação e trabalho duro não faltaram, mas as coisas acabaram não saindo da maneira como imaginei. Mas não posso e nem vou baixar a cabeça por conta disso, pois sou jovem, sei onde posso melhorar, evoluir e acrescentar na minha carreira", disse o atacante, que diz não se arrepender de sua ida à Inter.

Em entrevista ao veículo italiano, Gabigol disse que, se pudesse voltar no tempo, tomaria a mesma decisão: a de acertar com o clube italiano há dois anos.

"Iria sim. A Inter é uma grande equipe não só da Itália como também do Mundo. Campeã da Champions, uma tradição enorme na Itália. Muitos brasileiros triunfaram lá e tudo isso me motivou a escolher a Inter, mesmo com outras propostas. Desde o primeiro minuto na Inter, o torcedor me apoiou bastante, mostrou um carinho enorme por mim e isso a gente não esquece nunca. Agradeço pelas inúmeras mensagens de carinho que já recebi e ainda recebo pelas redes sociais, estou sempre acompanhando", acrescentou.

Inter de Milão/Divulgação

FONTE : UOL