28 / 06 / 2020 - 18h01
Socialista Anne Hidalgo é reeleita à prefeitura de Paris com cerca de 50% dos votos

A prefeita do Partido Socialista, Anne Hidalgo, venceu as eleições municipais em Paris hoje, obtendo entre 49,3% e 50,2% dos votos no segundo turno, segundo dois institutos de pesquisa independentes.

Em Paris, Hidalgo venceu as candidatas do partido conservador Os Republicanos, Rachida Dati (entre 32% e 32,7%), e do partido presidencial, A República em Marcha, Agnès Buzyn (entre 13,7% e 16% dos votos), segundo os institutos Harris Interactive e Ipsos-Sopra Ste.

A participação no segundo turno das eleições municipais no domingo diminuiu ainda mais em comparação com a taxa histórica de abstenção registrada no primeiro turno, em 15 de março, marcado pela epidemia da covid-19, de acordo com os primeiros números divulgados.

Até as 17h (meio-dia de Brasília), a participação era considerada reduzida em relação ao primeiro turno, com apenas 34,67% de comparecimento às urnas.

O risco de uma abstenção maciça dos 16,5 milhões de eleitores convocados para os cerca de 4.820 municípios que elegem seus representantes neste domingo foi uma das principais questões desta eleição, enquanto menos de um em cada dois eleitores — 44, 3% comparado a 63,5% em 2014 — foi votar no primeiro turno, devido ao risco de infecção por coronavírus, na véspera da instauração da quarentena obrigatória na França.

Este segundo turno foi organizado com precauções de saúde excepcionais devido à pandemia: uso de máscara obrigatória nas mesas de voto, gel hidroalcoólico e prioridade para as pessoas vulneráveis na fila.

As eleições municipais são realizadas às vésperas de uma semana crucial para o presidente francês, Emmanuel Macron, que votou ao meio-dia na França em Le Touquet, no norte do país, antes de encontrar uma pequena multidão, sem máscara. Essas eleições municipais são um termômetro importante para Macron.


FONTE : UOL